JUSTA lançará artigo no Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2022

O trabalho desvenda os gastos nas polícias, sistema prisional e sublinha os investimentos na  política para egressos do sistema prisional

No dia 28 de junho será lançado o Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2022 e o JUSTA contribuirá com a publicação com o artigo “Há uma porta de saída para o sistema prisional? O funil de investimentos nas polícias, no sistema penitenciário e nas políticas para egressos nos estados brasileiros”.

De acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Anuário, publicado desde de 2007, reúne informações fornecidas pelas secretarias de segurança pública estaduais, pelas polícias civis, militares e federal, entre outras fontes oficiais da Segurança Pública, constituindo uma ferramenta importante para a promoção da transparência e da prestação de contas na área, contribuindo para a melhoria da qualidade dos dados, além de favorecer a avaliação de políticas públicas e promove o debate de novos temas na agenda do setor.

Em seu artigo, o JUSTA analisa os orçamentos estaduais de 2021, com ênfase nos gastos com  polícias, sistema prisional e políticas para egressos, em estados representativos das cinco regiões do país: Bahia, Goiás, Pará, Paraná e São Paulo. Mostra-se como os enormes  impactos financeiros do crescimento prisional, sobretudo em função  da Lei de Drogas,  não foram acompanhados de investimentos para garantir direitos para quem deixa a prisão, depois de cumprida a pena.

O  Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2022 pode ser acessado no site do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

E o material complementar, que contém mais informações sobre a metodologia adota e os dados analisados pelo JUSTA, poderá ser acessado aqui no site após o lançamento.